Mensagens

A mostrar mensagens de Novembro, 2008

Natal

Ora muito bem, a menos de um mês[vá, um mês e 2 dias para o Natal]e com uma ideia que a minha irmã me deu, vou fazer a minha lista de prendas. Vou escrever as que vou dar e as que quero receber... mas as que quero receber vão ser muito parecidas ás dos anos com excepção daquelas que me deram. Ora bem:

Para o Rúben vou dar uma bola autografada por mim, com uma tatuagem daquelas que vêm nos bolicaos. [preço da bola: 5€(mais ó menos) + caneta de acetato: 2€ + bolicao 0,60€=7,60]

À Ana Varela vou dar um fio de côco para o caso da guitarra dela se partir uma corda [coise, eu sei que não tá bem escrito] [uns 2 euros no máximo, nem deve chegar a tanto]

À Q vou dar um bonequinho do Timon do Rei Leão visto que ela é a minha suricata pigmeia :3[e o Timon é um suricata] [uns 7€ no máximo, eu compro daqueles pequeninos]

À Bia vou dar um shot[para ver se ela engorda] [um máximo de 1,50€]

À Carolina vou dar uma barra de chocolates do bar [1,60€]

À lena vou dar... um CD daqueles dos top 10 e não sei quê […

Texto de Reflexão sobre a tolerância(feito na aula de literatura mas não publicado)

Tolerância é um tema difícil. Não tenho a certeza sobre o que escrever. Não faço a mais vaga ideia, sei que, no entanto, vou reflectir e tentar não escrever tudo o que me vier à cabeça.
Ainda hoje temas que parecem ser passado são tabus para muitas pessoas. A homossexualidade, o sufrágio universal, a emancipação feminina e temáticas religiosas são tabus para alguns povos, levando por vezes a conflitos, manifestações e guerras.
O que fazer? nada. A mentalidade humana imagina a perfeição, mas não faz para a alcançar. Por falar em perfeição, esta utopia é causa de desavenças que causam a intolerância. E mais outra temática pela qual o homem luta, a perfeição.
É a intolerância sexual, humana e religiosa que leva a conflitos.
Como conclusão, posso dizer que a tolerância não é apenas mais uma palavra com um significado difícil, tal como o amor ou a felicidade. A intolerância é a principal causa de desavenças causadas pelo desrespeito para com os direitosx humanos. A ultima conclusão a que chego…

Desabafo?

Não estou novamente a deprimir. A vida é feita de bons e maus dias. Não estou em nenhum. Estou nos dias do meio, aqueles que não são nem bons nem maus. Aqueles dias em que ri-mos porque temos de rir se não o dia era um desperdício de tempo... o que não deixa de ser. Um dia é sempre um desperdicio de tempo. 24 horas? 9 destas passadas na escola? 3 para comer? Fora o tempo que temos de estudar que deve ser entre 1 e 3 horas, temos entre 9 e 10 horas livres. E 8 SÃO PARA DORMIR NO MÍNIMO! Ou seja, tempo para estar no PC ou a jogar playstation/praticar algo que gostamos = 1/2 horas. Onde é que isto já se viu? E sorte têm vocês pois nem sei quantas linhas gastaria mais a falar sobre MINUTOS que são 60 por hora*texto censurado pois ocupava demasiadas linhas e coise, vocês NÃO querem ler isto*

No outro dia, voltei a exercer "psicologia" juvenil. Apenas ouvir as pessoas ajuda-as e eu sei que sou capaz de as ouvir sempre e dar bons conselhos.
Por outro lado, os problemas dessas pessoas…